11 de março de 2012

A coisa fica (mais) feia: Processo por Québec

É pessoal... Primeiro foi a alteração do processo em Dezembro de 2011, onde seria necessário realizar provas de proficiência em inglês e francês para comprovação de pontos. Agora, há alguns dias de receber o resultado do TCFQ, BOMBA!

Conforme a alteração lançada oficialmente no dia 8 de Março no site oficial em francês, TODOS OS DOCUMENTOS enviados em dossiê para entrar em processo provincial, deverão ser AUTENTICADOS e TRADUZIDOS POR MEMBRO AUTORIZADO DE ORDEM. Não, você não leu errado. Agora será necessário traduzir os documentos em etapa PROVINCIAL E FEDERAL!

É mole, ou quer mais?

Sem mencionar que agora, muitos documentos eles pedem as versões originais, como: Declarações de Experiência Profissional e Resultados do IELTS e TCFQ. Se isso sumir, por algum motivo, só nos resta cópias autenticadas, e que neste caso, não valerão de nada...

E quando eu digo para as pessoas que estou desesperado pra enviar logo esse dossiê, por conta das mudanças do processo, o pessoal ainda me acha impaciente...

Mais uma vez, não adianta chorar. O negócio agora é procurar informações sobre tradutores, morrer em mais uma grana bacana em tradução, esperar mais, para finalmente tentar enviar (se não houver nenhuma outra mudança até lá).

E com essas mudanças tornando-se realidade na vida dos sonhadores, a imigração se torna cada vez mais seletiva, e difícil. Afinal, para muitos (como eu) se tornarem aptos à seleção, é necessário queimar uma boa quantidade de dinheiro que as vezes nem temos, para termos a possibilidade de começar o processo.

Bola pra frente...

Vou tentar sondar informações sobre as traduções, e assim que tiver uma informação mais sólida, trago aqui.

Abraços.

4 comentários:

  1. Boa Tarde, tudo bem?

    Gostaria de parabenizalo pelo exelente blog! E informações úteis!

    Eu também estou ficando cada vez mais preocupado com o processo de imigração, parece que cada dia, muda algo, isso porque eu só vou dar entrada depois que acabar a faculdade isso em Dez/2013, acho q até lá eles vão pedi até o tipo de sangue rsrsrs.

    Isso é para deixar todas as pessoas que estão em busca de algo melhor para suas vidas, à repensar se fale mesmo fazer tudo isso!!!

    Eu sempre quis ir para Montreal, mais últimante como o processo Federal e Proviencial estão quase os mesmo, caso os dois fiquem iguais, vou deixar de lado o provincia, e tentar Winnepeg (Manitoba), Calgary (Alberta) ou Toronto (Ontario)

    Nesta segunda feira dia 12/03, eu vou participar da Palestra de Informações da Embaixada do Quebec aqui em São Paulo, vou perguntar sobre se também tem que encaminhar os documentos juramentados para o méxico, e entre em contato contigo.

    Meu e-mail é: williambarbosasantos@hotmail.com (pode encaminhar o seu e-mail para ele, para que eu possa ty encaminhar na 2ª o q eu descobrir la na palestra)
    Ou pode entrar no meu blog na 2ª a Noite que vai estar postado, segue o blog;
    http://williamrumoaocanada.blogspot.com/

    Parabéns pelo exelente Blog!!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá!!!

    Versão Original de Declarações de Experiencia Profissional, para mim já é dificil de conseguir. Sempre trabalhei em bancos e eles não fornecem todas as informações que o Quebec pede. Imagina se por algum motivo extravia o que consegui, já não sei nem se vão aceitar o que tenho!!! E Seja o que Deus quiser!

    Abraço e boa sorte para todos nós.

    ResponderExcluir
  3. É verdade está cada vez mais complicado, é muito dinheiro, fora que temos que continuar estudando francês (que não é nada barato) E juntar dinheiro prá levar, ou seja, tá muito complicado =/
    Mais boa sorte, e vamos apertar um pouco nossa vida aqui, prá conseguirmos chegar e ter melhores oportunidades no futuro!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi

    Amanha vai fazer 3 anos que estou em Québec.Eu acho que eles estao pedidndo um tradutor que pertenca à Ordem dos Tradutores ou coisa assim daqui do Québec porque todos os nossos documentos inclusive reconhecimento de diplomas precisam de tradutores reconhecidos pelo governo de Québec.Vou te passar o e-mail da Cristina Lorenzato que é muito boa, agora eu não sei como vc vai fazer para que ela veja os originais, acho que só pelo correio e aí é que esta o perigo de extraviar os originais.Ela faz a tradução com o documento que vc envia scaneado, mas na hora de entregar precisa mostrar o original.Espero ter ajudado em alguma coisa.
    Helena

    ResponderExcluir

Obrigado por me acompanhar! :)

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.