27 de agosto de 2010

Eleições no Brasil? Isso é piada...

É engraçado como normalmente encontramos situações grosseiras nesse nosso Brasil...

A política já é uma piada por si só, e nunca evolui, só piora. E advinha quem é candidato a deputado federal em São Paulo? Tiririca, claro oras! Vamos unir o útil ao agradável, não é mesmo? Alias, a piada ao comediante. Com uma simples frase que garante seus votos: "Pior que tá não fica!". Ah sim, não fica mesmo, não há mais espaço pra piorar...

Se não gostar das piadas dele, temos também o Batoré como concorrente pra federal, lembra dele? Com tanta coisa bonita de se ver por aqui, termino com a belíssima frase do segundo candidato pra resumir toda essa situação... "Ah para ô!"

24 de agosto de 2010

Palestra sobre imigração ao Québec em Brasília

Post rápido só para informar os interessados que na terça e quarta-feira da próxima semana, dias 31/08 e 01/09, haverá a palestra sobre imigração ao Québec na Aliança Francesa da Asa Sul, 708/907.

Ótima oportunidade para tirar dúvidas, conhecer pessoas e se manter atualizado quanto ao processo.

Há pouco estive nesta palestra, e creio que estarei novamente na terça-feira para tirar algumas poucas dúvidas.

Para os interessados, segue link abaixo para inscrição:
http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/pt/biq/sao-paulo/palestras/index.php

20 de agosto de 2010

Rob Ford: Sem mais imigrantes em Toronto

Tenho escutado alguns podcasts da CBC Canada, e um deles escuto pela manhã a caminho do trabalho no carro (Metro Morning).

Logo no início dos comentários, o apresentador Matt Galloway cita uma reportagem a respeito de um debate de candidados à prefeitura de Toronto entre Rob Ford e Rocco Rossi.




Rob Ford cita que é necessário neste momento, fechar as portas para imigrações em Toronto visto que não é mais possível mantê-los com a divída fiscal em pleno crescimento. O oponente Rossi não concorda com a idéia em debate e cita que não é bem por aí, alegando ainda ser filho de imigrantes e que as causas de tais problemas estão mais a fundo do que nos imigrantes. Rossi comenta que os débitos encontram-se em "dummy loads", e que desta forma, o dinheiro público pode ser recuperado fiscalizando pequenos setores em que este é utilizado hoje, e que apesar de os imigrantes trazerem custos ao país, eles são a força de trabalho que no momento eles precisam.

Conforme pesquisas realizadas em 2006, 50% da população de Toronto nasceu fora do Canadá, e 20% de todos os imigrantes canadenses encontram-se lá vivendo.

Em forums e comentários de reportagem, os "torontonians" concordam com Ford, e entendem que o Canadá deve vetar neste momento os imigrantes que irão à Toronto para que a população possa de adequar com a quantidade hoje já residida por lá.

Detalhes da reportagem em:

Pra quem pensou em Toronto, torça a favor de Rossi. Rs...

Isso me leva a perguntar sobre as conseqüências disto, pois não basta somente vetar imigrações à Toronto. É fácil chegar em qualquer outro lugar do Canadá e ir para Toronto, o que me leva a pensar que a imigração em geral pode ter um "momento de crise" e ser congelada por uns tempos.

Com certeza isto poderá mudar os planos de muitos!

5 de agosto de 2010

Primeiro Semestre do Longo Percurso

Bonsoir!

Este mês Agosto é o mês que iniciamos oficialmente nossa corrida ao Canadá. A partir daqui estaremos poupando dinheiro, correndo em busca de aprendizado, reunindo documentações, enfim!

Sexta-feira passada finalizei meu primeiro intensivo da AF, e posso dizer que tive um saldo positivo de aprendizado, mas sempre há poréns... Logo nesta semana, iniciei o segundo nível, só que desta vez no curso regular. Estou cursando nos horários de 7h às 8h30 da manhã devido ao desconto nas terças e quintas. O que pude perceber nestas primeiras aulas do regular? IMENSA DIFICULDADE ESCRITA!

Como havia dito anteriormente, quem participa de cursos intensivos, tem um avanço meteórico na fala e escuta, porém a escrita e leitura ficam bem pra trás. Já o regular, a turma em que estou está muito bem na parte escrita. Consegue se virar bem, e eu ainda cometo erros muitos simples e desnecessários, em contrapartida eles ainda tem erros simples de pronúncia. É assim mesmo! Tudo precisa de um pouquinho (MUITO) esforço para se conquistar, e essa será uma das minhas barreiras a passar.

Sábado passado iniciei também o inglês na CTJ. Ah sim! É outra coisa! Como já tenho conhecimento em inglês, fica fácil conversar a aula toda em inglês, conversar com o pessoal na sala, me virar nos exercícios. A primeira aula achei bem bacana. Estou cursando no horário de 8h30 às 12h10, e sinceramente? Nem vejo o tempo passar de tanta conversa e interação. Se a AF for assim nos níveis avançados, ficarei feliz de estudar!

Como se não bastasse tudo isso, ainda iniciei no módulo 2 da L'École de Fraçais Québécois. Se vou enlouquecer? Provavelmente. Risos... Decidi tentar também paralelamente ir estudando online os módulos da EFQ pra ir me inserindo no francês québécois, nas gírias, na cultura, e nas dicas de processo. Tudo em um único curso. Tenho achado bacana. Não é simples como o Live Mocha ou outros cursos online. Os exercícios são pesados, o conteúdo se assemelha ao presencial, e as nas avaliações de leitura os professores metem o pau mesmo! Em meu segundo exercício oral, o professor disse que eu não me esforcei bastante. É mole? Devo ter lido que nem gringo falando português. "Treisbian!" Fiz até o momento a primeira semana conforme livro de estudos. Detalhe: 95% do curso é em Francês. Os professores te orientam em francês, os exercícios mais complexos são em francês, não há quase nada em português no curso. Por um lado é bom, por outro é ruim, pois temos que traduzir algumas situações e a tradução nem sempre diz o que devemos realmente entender.

A Amanda inicia o primeiro nível da AF já neste sábado, e estou ansioso para que ela comece também a se ambientar na língua e até a me fazer perguntas sobre a matéria. Assim terei com quem conversar sobre o assunto mais tranqüilamente, fixar a matéria na cabeça, e ter com quem treinar no futuro. Espero ainda que dê tudo certo o quanto antes pra que ela já dê continuidade também no inglês.

É isso meu povo!

Abraços!

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.