28 de setembro de 2010

Brasilia in the dust

"...Que é pra surfar no céu azul de nuvens doidas. 
Da capital do meu país..."

"...E num ônibus entrou no Planalto Central
Ele ficou bestificado com a cidade
Saindo da rodoviária, viu as luzes de Natal. "Meu Deus, mas que cidade linda...""

Letras de música não faltam pra encontrar beleza em Brasília, que eu particularmente não consigo ver tanta... E veja como estava essa maravilha hoje durante o dia...




Não é chuva... Não é neve... (rs..) Não é nuvem... Não tava frio... Não é photoshop... A câmera não é tão ruim...

Nada mais que poluição, 125 dias sem chuva e MUITA poeira. Eu nunca havia presenciado uma situação dessas, e sinceramente, me preocupo e muito...

Isso tem se tornado comum nas metrópoles, mas em Brasília? O negócio está feio...

20 de setembro de 2010

Don't Sell My Stuff!

Irônico, mas enganos ocorrem em todo canto, e por quê não em Toronto?

Katie Altier realizou um feliz Garage Sale para realmente limpar a bagunça, e teve sucesso. Vendeu alguns itens, e alguns destes itens eram antigos posters de sua irmã, sem querer é claro.

Ela imaginou que por estar jogado no cantinho, ela não iria querer mais e então fez "o limpa" literalmente. Rs...


É engraçado, mas acontece!

Curta a conversa que ela teve com Matt Galloway da CBC Canada.

13 de setembro de 2010

Teach Yourself French

Olá!

As recomendações de todo professor e estudante mais avançado de línguas estrangeiras são geralmente as mesmas: escute música, leia livros, estude pequenas lições e mantenha um contato constante com a língua, mesmo que seja de 20 minutos por dia.

Sendo assim, busquei adotar um estudo paralelo ao meus cursos de francês e inglês. Estou utilizando o método Teach Yourself French que nada mais é que um método em inglês ensinando francês através de leitura e audio. São lições simples e rápidas, podendo até utilizar aqueles 15 minutos livres na hora do almoço do trabalho.

É um método que por si só não ajuda, mas se já houver conhecimento prévio e razoável do inglês e algo (básico do básico) do francês, é uma ótima maneira de se praticar.

O Teach Yourself que estou utilizando é a primeira versão dele para o francês, ou seja, a mais básica. Estive vendo na Cultura que há outras versões dele mais avançadas que seguem a mesma idéia. Basicamente livro totalmente em inglês ensinando francês com cds de audio.

Os livros Teach Yourself ensinam uma variedade de coisas, da mesma forma que aquela série de "Anything" for Dummies, mas acho mais completa e interessante. Não trata apenas situações padrões e cotidianas, vai um pouco mais a fundo.

Estou gostando e recomendo!

1 de setembro de 2010

Music of Alberta

Se falamos de Canadá, falamos de Nickelback, por quê não?

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.